Histórico


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis


 
Ananias Blog


Voltei.

 

Primeiro quero tranquilizar a todos: não fui sequestrado.

Estava sumido a trabalho. Como ainda estou.

Infiltrado em campanhas políticas mundo afora, analisando cada detalhe e tirando conclusões para poder comentar os mais diversos acontecimentos.

 

Apesar de andar por vários recantos da Paraíba, vamos nos limitar a Campina Grande. Pelo menos por enquanto.

Aqui a campanha começou logo cedo – há dois anos – e não tem data para terminar. Mesmo com uma eleição marcada para 7 de outubro de 2012, o assunto geral é outubro de 2014.

 

Por aqui o tempo se encarregou de enfraquecer a candidatura de Daniella Ribeiro (PP) que estava em campanha desde que foi eleita deputada estadual e sempre liderou as pesquisas anteriormente.

Ela se envolveu – ou foi envolvida por parte do PT (o único partido realmente PARTIDO do Brasil) e acabou não obtendo êxito na união.

 

Tudo deu errado e como todos sabem, isso – entre outras coisas – só prejudicou a sua campanha. Resultado: caiu – e continua caindo – nas pesquisas. Seu futuro é incerto e não sabido. Ainda pode crescer, embora o tempo esteja contra ela.

 

Já a candidata de Vené – como é chamada a médica Tatiana Medeiros (PMDB) era quase uma desconhecida do povo, apareceu há pouco tempo e vem crescendo nas pesquisas a cada dia. Está acontecendo com ela o mesmo que aconteceu com Veneziano na sua primeira campanha para prefeito de Campina Grande, ou seja: começou sem apoio e sem credibilidade, mas caiu nas graças do povo e teve o apoio de Deus na caminhada e, resultado: se transformou num dos maiores líderes políticos da região dos últimos anos.

E tem um futuro brilhante. Inclusive já sendo aclamado governador em 2014, mas isso ainda é futuro. Apesar de quase presente!

 

Pois bem, Tatiana vem seguindo o mesmo caminho do V. O povo começou a gostar dela e nas ruas sua aceitação está em crescimento.

Tanto é que já está em segundo lugar nas pesquisas e ameaça chegar de igual para igual com Romero Rodrigues (PSDB) – o candidato de Cássio – nas urnas no dia 7 de outubro próximo.

Romero, com apoio de Cunha Lima e companhia – ainda aparece em vantagem em todas as pesquisas, mas isso é perigoso. Especialmente em Campina Grande, onde ninguém sabe a vontade do eleitor até que o último voto seja contabilizado.

 

Apesar do que mostram as pesquisas, não sinto essa animação toda na militância amarela. Há confiança, é verdade, mas também existe um certo receio visível de que algo está para acontecer.

 

E como no segundo turno tudo pode acontecer, já que é outra eleição, todo cuidado é pouco nesse momento.

De uma forma ou de outra, apesar de tudo parecer já decidido, nada ainda está sacramentado.

Esse é o medo de quem tá na frente e a confiança de quem vem logo em seguida.

 

O resto é complemento.

 

Abraço a todos.

Tô na rua, vendo e ouvindo tudo.

Volto em breve com mais novidades.

 

E possivelmente com uma grande surpresa!

 

By

 



Escrito por Ananias Zimbábue às 05h51
[] [envie esta mensagem] [ ]




[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]